Análise de Óleo Transformador

SOLICITE UM ORÇAMENTO

A DATALINK realiza Análise de Óleo de Transformador, Análise Físico-Química de Óleo de Transformador ou Análise Cromatográfica de Óleo de Transformador. Esses ensaios são capazes de diagnosticar a qualidade do óleo mineral isolante, com agilidade e precisão necessária, dando subsídios confiáveis ao departamento de manutenção da sua empresa para programação e planejamento da melhor forma de atuação junto ao problema encontrado no equipamento.

Umidade, borra, compostos ácidos, aquecimento, descargas internas, são alguns dos problemas que podem afetar o transformador. Por meio da análise periódica do óleo mineral isolante, a DATALINK identifica os riscos e implementa manutenções preventivas ou corretivas que evitam o desgaste e prolongam a vida útil do seu equipamento.

Análise FISICO – QUIMICO

A análise físico-química determina a capacidade de isolação e o estado de envelhecimento do óleo mineral. Os resultados são comparados aos valores pré-estabelecidos em normas. Valores fora dos limites especificados indicam necessidade de tratamento termo-vácuo, substituição ou regeneração do óleo mineral.

Os óleos minerais nos transformadores, além da propriedade de isolamento, têm a função de resfriamento. Assim o elemento fluído transfere o calor desenvolvido e gerado nos circuitos magnéticos dos enrolamentos e também no núcleo ferro magnético, através das correntes convectivas para a carcaça do transformador e este, por sua vez transfere este calor para o meio ambiente. Como o papel é também um agente isolante, cabe ao óleo fazer o isolamento dos enrolamentos entre eles e em relação ao circuito magnético e a carcaça.

Rigidez Dielétrica

A diminuição da rigidez dielétrica indica a contaminação do óleo. Evidencia a presença de agentes contaminantes como: água, sujeira, fibras celulósicas úmidas ou partículas condutoras.

Fator de Potência

A determinação do fator potência é uma indicação segura do grau de deterioração e contaminação do óleo. O aumento do fator de potência está ligado à presença de sustâncias que causam condutividade. O fator de potência aumenta com a temperatura e com a quantidade de substâncias polares provenientes da deterioração do óleo.

Cor

Um rápido aumento da cor indica deterioração ou contaminação do óleo.

Tensão Interfacial

A tensão interfacial mede a concentração de substâncias polares no óleo que são responsáveis pela formação da borra. A diminuição de Tensão Interfacial indica a deterioração do óleo. Na superfície de separação entre o óleo e a água, forma-se uma força de atração entre moléculas dos dois líquidos que é chamada de tensão interfacial.

Índice de Neutralização

O teste de acidez mede o teor de ácidos formados por oxidação, os quais são diretamente responsáveis pela formação da borra e pode também promover a degradação do papel. O aumento do índice de neutralização indica o envelhecimento do óleo.

Teor de Água

Um elevado teor de água acelera a deterioração química do papel isolante e é indicativo de condições de operações indesejáveis, que requerem correções. Embora seja formada como subproduto da oxidação, a maior parte de água existente no óleo é absorvida do ar.

Densidade

Ensaio utilizado para identificar o tipo de óleo (parafínico ou naftênico).

Análise Cromatográfica

Uma Análise Cromatográfica dos gases determina a concentração dos gases dissolvidos no óleo mineral isolante. A sua formação no interior do transformador  pode ser causa de algum tipo de problema, como mau contato entre componentes internos, fugas de energia entre espiras, esforço à altas correntes de curto circuito e tempo de trabalho prolongado com cargas elevadas.

Através de um equipamento denominado cromatógrafo é possível quantificar a concentração dos seguintes gases: H2, O2, N2, CH4, CO, CO2, C2H4, C2H6, C2H2. Um diagnóstico confiável de cromatografia é baseado na avaliação da evolução dos gases em relação às análises anteriores.

Após o preparo das amostras no laboratório e com a utilização do equipamento Cromatógrafo, juntamente com Head Space, o processo de extração dos gases é automático e sem contato com qualquer operador, eliminando assim ajuste involuntário do químico analista.

O levantamento e diagnósticos destes gases, a partir de uma amostra de óleo, podem determinar causas e medidas a serem adotadas e com isto remediar possíveis transtornos de paradas indesejáveis do equipamento, diminuição de custos de manutenção ou então perda de produção.

Alguns dos gases encontrados nos interiores dos equipamentos devem ser eliminados caso o seu volume esteja elevado, é o caso do oxigênio. Sua presença acelera o envelhecimento do óleo. Em outros casos, como do acetileno, devemos analisar em sua origem onde está ocorrendo a formação e sua taxa de crescimento. Pois é severamente perigosa a sua formação, podendo levar a queima e colapso do equipamento.

Usar um óleo de má qualidade traz sérios danos ao equipamento. Daí a importância do trabalho realizado pela DATALINK para a prevenção a qual que detecta qualquer defeito ainda no estágio inicial a partir da composição dos gases e da rapidez com que eles são formados.

É feita em 3 etapas

  • Amostragem do óleo;
  • Extração dos gases de cada amostra encaminhada ao laboratório;
  • Análise dos gases extraídos da amostra, a partir do cromatográfico de gases, que consiste na separação dos diferentes gases da mistura, identificando-os e quantificando-os, através dos gases chaves.
  • Acetileno (C2H2): Arco;
  • Etileno (C2H2): Óleo Superaquecido;
  • Hidrogênio (H2): Eletrolise;
  • Monóxido de Carbono (CO2): Celulose super Aquecida;
  • Dióxido de Carbono (CO2): Celulose superaquecida;
  • Hidrogênio (H2): Descargas Corona no óleo;
  • Metano (C2H6): Descargas Corona no óleo;
  • Hidrogênio (H2): Descargas Corona no papel;
  • Dióxido de Carbono (CO2): Descargas Corona no Papel

OBS: OS ELETRICISTAS DA ÁREA TAMBÉM CONHECEM ESSE TESTE PELA EXPRESSÃO: análise de óleo de transformador, análise de óleo isolante para transformador, análise óleo transformador, análise de óleo cromatográfica de transformador, analise cromatográfica em transformador, analise de cromatográfica de óleo de transformador ou óleo de transformador